sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

Como retomar a rotina escolar depois das férias

Férias. Quem não curte sair das exigências do ano letivo e da correria do leva e trás da escola?
Mas tudo na vida tem seu tempo. Certo? 

Quando bate aquela moleza e ouço as lamentações do retorno do ano letivo eu sempre digo para os meus filhos que as férias são boas porque temos o que descansar. Ninguém vive de férias a vida inteira. Estudar e trabalhar tornam são tornam as férias mais que especiais. E agora é hora de recomeçar com entusiasmo. 

Retorno ano letivo
Imagem 
Criar a rotina, o planejamento, os combinados, e as regrinhas desde o começo do ano permite que os resultados sejam excelentes. E quem não quer realizar coisas boas este ano? O desempenho dos filhos fazem parte do nosso sucesso. Por isso é importante ajudá-los nessa organização para que toda a família colha os frutos. Tranquilidade nos estudos permite que toda a família possa aproveitar os momentos livres juntos. As próximas férias, inclusive.

Existem diversas maneiras de criar rotinas prazerosas para todos. Basta colocar no papel o que cada um tem para cumprir e estabelecer horários. Ah!, mas se fosse fácil, todos nós fazíamos e não é isso que acontece. Alguns conseguem e outros não. Isso é normal porque não somos todos iguais. Uns têm mais facilidade de planejar, criar rotinas e hábitos. Para outros isso pode se tornar um desafio.

Mas veja se essas dicas podem ajudar você na organização do seu ano letivo:


1. Comece colocando a casa em ordem. Como assim? 
Organizar os quartos, o espaço de estudo, os materiais, uniformes, alimentação...

2. Defina junto com os filhos os horários para dormir, acordar, sair, almoçar e jantar. Isso ajuda muito na hora de montar uma rotina semanal. Vale definir também quem faz o quê dentro de casa. Quanto mais cooperação mais alegria na casa;

3. Estabeleça as metas de cada um para o ano que se inicia. Crianças na Educação Infantil podem não ter tantas exigências quanto os desempenhos escolares, mas a partir do Ensino Fundamental a maioria das escolas possuem um cronograma anual de provas e compromissos de tirar o fôlego. Quanto mais cedo tomam conhecimento do seu cronograma e o quanto vão precisar se dedicar diariamente, mas fácil alcançam as metas;

4. Montar uma rotina semanal incluindo os horários e atividades da escola e contra turno ajuda muito na visualização e planejamento do dia. Nossa dica nesse post.

5. Nada é definitivo. Tudo deve ser testado e adaptado a cada família. Se você combinou com seus filhos uma rotina e ela não funcionou, não desanime. Reveja, mude, faça de novo. Mesmo porque, a cada ano mudam as exigências, as atividades, os horários e nossa forma de adaptação;

6. Avalie bem a quantidade de atividades extras que seus filhos têm e otimize para que o desempenho e realização aconteça. Muitas atividades podem levar a criança e o adolescente a uma estafa. E isso ninguém quer. Menos pode ser mais;

7. Eletrônicos não precisam ser proibidos se os combinados estabelecidos por todos forem cumprido. Nós também precisamos de um freio quando o assunto é celular. Quem nunca passa da conta? Combine e cumpra. Todos ganham;

6. Visitas a médicos e especialistas são super importantes para o tratamento e prevenção de sintomas ou qualquer dificuldade. Seja nas questões de alimentação, visão, aprendizado, emocionais, dores, dentre outros. Nossa percepção como pais e um bom acompanhamento da escola fazem muita diferença na identificação dessas necessidades;

6. O sono, a alimentação e a atividade física são os combustíveis para uma vida saudável na escola também. Dormir bem, e cedo, nutrir e mexer o corpo, liberam diversas substâncias importantes para o bom funcionamento do organismo e cria um ciclo de benefícios. Quem se exercita, dome bem. Quem dorme bem está mais descansado para todas as atividades do dia e se alimenta melhor.

Comece bem! Planeje, organize, mas acima de tudo, aproveite o seu ano!







Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário