quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Vamos tomar água?

Por que a maioria das crianças não gosta de água? Essa é uma pergunta que não sai da minha cabeça. Aqui em casa isso tem se tornado um problema que precisa ser resolvido. Na alimentação temos colhidos bons frutos, mas na hora de beber água... 

Preocupada com isso ando pesquisando e aplicando algumas técnicas para mudar essa situação. Como esse também pode ser um problema aí na sua casa, segue tudo que encontramos. 
 
Como fazer com que as crianças bebam água?  
 
1. Converse sobre a importância da água para o corpo. Muitas vezes a criança não tem a menor noção de quanto a água é importante para o organismo. Uma das formas mais fáceis de entender essa importância é comparar o nosso corpo com uma plantinha. Se for necessário, mostre na prática como a plantinha fica se não beber água.
 

2Não ofereça substitutos. Essa é sempre a primeira orientação de pediatras, nutricionistas e mães que conseguiram mudar os hábitos de beber água frequentemente. Quando diminuímos as opções de bebidas como: sucos artificiais, refrigerantes, chás e achocolatados, as chances de se experimentar a água é muito maior. 
3. Aumente a oferta de água em casa. Incentivar a ingestão de água deixando o acesso fácil, seja na jarra ou na garrafinha individual. 
 
4. Carregue a garrafinha sempre. Levar a garrafinha de água na bolsa, no carro ou na mochila da escola ajuda a manter a oferta.
 
5. Dê o exemplo. Todos são unânimes quando o assunto é criar bons hábitos. Se os pais não bebem água, dificilmente as crianças bebem. Então, vamos mudar os nossos hábitos e beber água junto com os filhos. Todos nós vamos ganhar.
 6. Deixe a água atraente, diferente, divertida. Oferecer a água com gelo ou com rodelas de laranja, limão, folhinhas de hortelã pode ser uma boa saída para dar sabor. Qual a criança não gosta de brincar com uma pedra de gelo?  Imagem e receita
 
E se você tem dúvidas quanto as quantidades, encontramos as indicações abaixo. Confirme com o pediatra se você tiver alguma dúvida. Vamos combinar que se a criança não bebe nada, qualquer copinho que comece a beber já é uma grane vitória. Aos poucos vamos melhorando.
 
Quantidades:
Para crianças entre 1 a 3 anos de idade, a média é de 1,3 litros/dia.
Para crianças entre 4 a 8 anos, a média é de 1,7 litros/dia.
Para crianças entre 9 a 13 anos, a média é de 2 litros/dia.
Ao contrário do que podemos pensar, nos dias de frio o corpo pede muita água para queimar a gordura e manter o corpo aquecido. A falta de água no inverno pode levar a desidratação, da mesma forma que acontece no verão. Dores de cabeça e irritabilidade podem ser um sintomas de desidratação.
 
Então, vamos em frente? Já cortamos os sucos de caixinha em casa, combinamos o uso de garrafinhas individuais por cada um da família.


Squeeze Luciano Matins
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário