quinta-feira, 3 de julho de 2014

Férias com Lego

Em dias de férias, e às vezes de chuva e frio, precisamos buscar alternativas para as crianças se divertirem de verdade, sem precisar passar horas conectadas. Pensando nisso, buscamos formas de reinventar brincadeiras com aquilo que já temos em casa: Lego.
BRINCADEIRA DE FERIAS
Foi assim que resolvemos retirar dos armários todas as peças do famoso brinquedo de encaixe e definimos uma verdadeira maratona para remontar tudo novamente. Desta vez, seguindo os manuais. Uma forma de ocupar o tempo livre com pequenos e bons desafios. 
O famoso brinquedo Lego, que inspira muitos dos nossos posts, é um dos nossos brinquedos preferidos, por desenvolver a criatividade, a coordenação motora e a capacidade de reinventar. 
 
A tarefa não está nem na metade, mas já nos rendeu boas discussões em torno da organização, paciência e persistência. E para manter todos animados, decidimos rever o filme “Uma Aventura Lego”, que estreou em fevereiro de 2014 e foi um grande sucesso. Afinal, férias e cinema em casa combinam muito bem.
 
No filme de Phil Lord e Chris Miller, o vilão "Senhor Negócios" planeja destruir o mundo de Lego com uma cola, mantendo seus habitantes eternamente no mesmo lugar, não permitindo que circulem pelos diferentes mundos, nem que construam coisas novas. Mas o herói "Emmett", um trabalhador comum de uma cidade grande, é quem consegue impedir o "Senhor Negócios" de cometer essa maldade. Com um final encantador, o filme deixa uma grande mensagem para os pais que desejam que tudo fique perfeitamente no lugar quando o assunto é diversão. Manter os brinquedos organizados é uma coisa, podar a criatividade e a imaginação é outra.
 
Com brinquedos é assim, mais do que comprar para divertir é preciso brincar de verdade. Envolva-se num desafio junto com seu filho. Ensine e aprenda grandes lições. Eu estou ensinando, mas certamente aprendendo muito: sobre eles e sobre mim.
 
Quer se animar? Então assista ao trailer de "Uma Aventura Lego".
 
 
Veja também:
 
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário