quinta-feira, 10 de abril de 2014

Iluminação - A grande aliada no cantinho de estudos.



DICAS MAE BACANA E LUCIANA BOSSLE SILVEIRA
Imagem
Quando pensamos em criar um ambiente de estudos para as crianças, normalmente pensamos na mesa, na cadeira e no material escolar. Porém um ambiente ideal para os estudos deve contemplar outros itens para que o trabalho seja desenvolvido com qualidade: temperatura agradável, ambiente silencioso, aconchegante e boa iluminação ajudam a compor um espaço confortável.

Mas para ter tudo isso não precisamos necessariamente criar espaços projetados, sofisticados ou caros. O mais importante é ter certeza que a criança consegue prender a sua atenção ao que está fazendo no ambiente que criamos. Podemos ir adaptando a medida que as exigências e necessidades da criança mudam.

Querendo saber um pouquinho mais sobre como criar bons ambientes de estudos, conversamos com a arquiteta Luciana Bossle Silveira que nos deu dicas valiosas de como montar esse espaço tão importante para os nossos filhos.

Para a arquiteta o mais importante, além da ergonomia dos móveis, tranquilidade e aconchego é criar um ambiente de acordo com a idade da criança, etapa da vida escolar e necessidades do momento. "Uma leitura não precisa ser feita necessariamente sentada à mesa de estudo, mas obrigatoriamente precisa de uma iluminação adequada. Algumas crianças precisam de um ambiente totalmente silencioso, já outras precisam sentir a movimentação da casa e a presença de quem a está auxiliando, coisa que não acontece quando isolamos a criança em um quarto, por exemplo." Diz Luciana.
 
Quando Luciana inicia um projeto que pede de um canto do estudo, a primeira coisa que ela leva em consideração é a posição da mesa. O principal, segundo ela, é voltar a mesa para receber a luz natural. Por isso ela procura posicionar a bancada de estudos abaixo da janela, aproveitando a iluminação natural, a visão da natureza, a vista para um jardim ou horizonte. "Olhar para uma paisagem ou plantas relaxa e dá vazão a criatividade", acrescenta.    

Depois de definir a posição da mesa, é hora de pensar na ergonomia dos móveis e garantir que mesa e cadeira sejam confortáveis e adequadas a altura da criança. Aposta também nos tons pasteis para garantir um ambiente aconchegante e deixa as cores vibrantes para as paredes opostas a mesa.
 
Definidos esses itens o mais importante é pensar na iluminação dirigida. "A luz geral do ambiente que se encontra a mesa de estudos funciona como uma luz de conforto, um pano de fundo. Já a iluminação direcionada para o trabalho, seja ele estudo, desenho ou leitura, ajuda a manter a atenção", garante a arquiteta. Nesses casos ela indica lâmpadas fluorescentes, halógenasLED para garantir conforto aos olhos. Para ela uma boa iluminação natural e artificial são fundamentais para evitar o cansaço visual. "Espaço e luz funcionam como um casulo para a concentração", afirma Luciana.
 
Mas se você quer criar um ambiente de estudos e não sabe nem por onde começar, ela indica que você procure a ajuda de um profissional de arquitetura ou um lighting designers, profissionais da área de iluminação. A iluminação é tão tem importante num projeto que basta observarmos as diferentes formas de iluminação em diferentes lojas de um shopping. Para cada situação existe uma iluminação adequada

Gostou? Então vamos conferir se estamos atendendo aos itens mais importantes na hora de colocar nossos pequenos para estudar?

Luciana Boslle Silveira é arquiteta, formada pela Universidade Federal de Santa Catarina e mãe da Renata.

Recentemente participou da Casa Nova com o ambiente sala de leitura. Confira!


 
Quer saber a diferença entre cada tipo de lâmpada? Acesse o link
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário