sexta-feira, 31 de maio de 2013

Organizando a festa em casa

Chegou a hora de comemorar e você decidiu que a festa vai ser em casa. Então é preciso organização para que tudo saia do seu gosto e você não fique tão estressada(o). Fazer festa em casa pode ser muito cansativo, mas no final, vale a pena. Porque o importante não é tamanho da festa, a quantidade de convidados e a pompa e sim a sua alegria, do seu filho e dos seus convidados.
Por isso, pesquisamos todos os itens importantes para que você possa organizar a sua festinha e assinar embaixo. Um site que pode ajudar você é o Fazendo a minha festa.


1. Definindo o dia e horário:
A escolha da data é muito importante para que o maior número de convidados participem. Se a criança faz aniversário nas férias escolares, no final do ano ou no meio de um feriadão é preciso contatar os amigos para confirmar presença antes da organização da festa. Se o aniversário for num dia de semana o ideal é transferir para o final de semana. O horário vai depender da idade da criança. Se for muito pequena, procure respeitar a hora do soninho para que ela não fique tão cansada.

2. Definindo o tema:
Quando a criança vai festejar seu primeiro aniversário é comum os pais escolherem o tema circo. (Ouvi dizer que dá sorte e segui essa decoração) Mas quando a criança já é maior o que vale seguir seus personagens preferidos ou inovar escolhendo temas bacanas como festa vintage, pirata, rock in roll, bombeiros, policial.... Com o tema definido, você decide os convites, a decoração, as brincadeiras e as lembrancinhas.


3. Definindo o local:
Casa, apartamento, salão de festas, casa dos avós... O local escolhido possibilita ou impossibilita muitas outras decisões, como a quantidade de pessoas convidadas, por exemplo.

4. Definindo a lista de convidados e convite:
Dependendo do local você pode definir quantas pessoas poderá convidar. Temos uma enorme vontade de festejar com muitas pessoas, mas às vezes isso não é possível. Por isso siga o que está ao seu alcance e não se preocupe com o que as pessoas vão pensar se não forem convidadas. Essa preocupação é comum e faz muitas pessoas desistirem de festa. Muitas pessoas tem investido boa parte do orçamento em educação e viagens e comemoram de forma mais simples. Normal! Definido a lista, defina o tipo de convite, que pode ser impresso ou online. Convites online são fáceis de fazer e enviar. Basta encontrar o tema desejado e personalizar as informações.
5. Definindo a decoração:
Definido o espaço,  defina os enfeites: balões, mesa do bolo, mesa de guloseimas, mesa dos convidados, caixa de presentes... A decoração da festa em casa pode contar com louças da mamãe e brinquedos da própria criança. Fica charmoso e original!


6. Definindo a lembrancinha:
Hoje temos inúmeras opções para inspirar, fazer em casa ou terceirizar. Os preços variam muito. Há quem opte por uma guloseima ou um presente. Muitas vezes nos preocupamos demais com esse item da festa, mas algumas mães não gostam nem do kit balinhas, nem dos brinquedinhos inúteis. Os dentes e o planeta agradecem os nossos cuidados. É possível dar uma lembrança legal, mas é preciso pesquisar. Basta um click na web em busca de ideias e pronto! Você pode contar com empresas especializadas e personalizar tudo.
 
Pinterest
7. Definindo o cardápio e bebida
A comidinha das crianças depende da faixa etária. Para os bem pequeninos é legal ter uma opção bebê como uma sopinha e um suco natural. Para os maiores os tradicionais doces, salgados, pipoca, hot dog e hambúrguer. Durante a festa vale algumas guloseimas, afinal a festa é de criança. Espetinhos de frutas são ótimas opções para os convidados que gostam de comidinhas saudáveis. Há quem goste de um agradinho para os adultos e opte por servir alguma opção diferente. Brusquetas, pizza, aperitivos de carne ou massas são opções que agradam a todos. Mas dê preferência para tudo que puder comer com as mãos ou em pequenas porções individuais. Quanto a bebida é bacana ter mais de uma opção para todos os gostos. Algumas crianças não tomam refrigerante, então é importante ter água, suco e chá, além do refrigerante. Bebidas alcoólicas depende de você. Há quem goste de servir cerveja, caipirinha ou vinho combinando com o cardápio escolhido. Se não souber calcular a quantidade de comida e bebida acesse a ferramenta da Crescer. Bem bacana!
8. Definindo a trilha sonora:
Festa de criança por si só já é barulhenta. Uma boa opção são as músicas da Palavra Cantada, Balão Mágico e Saltimbancos para crianças de até 7 anos. Para os maiores é importante seguir o gosto deles. Faça uma playlist e deixe tocar.  Agora se você contratar recreadores, talvez o som já faça parte do pacote, com brincadeiras acompanhadas de um violão.

9. Definindo as brincadeiras:
Boas opções existem, mas depende do orçamento e da faixa etária das crianças. Mágico são ótimas opções para as crianças cima de 5 anos. Recreadores com pacotes de brincadeiras como: contração de histórias, pintura no rosto, gincanas e violão também são legais. Oficinas de artes e gastronomia também são divertidas, mas se optar por elas pense em quem vai comandar, nos apetrechos de pintura ou da culinária e nos aventais. Para festas pequenas as oficinais podem ser a grande atração e não precisar de mais nada.

Se orçamento for baixo algumas brincadeiras podem ser realizadas por algum integrante da família como: caça ao tesouro, pega-pega, esconde-esconde, amarelinha e cabo de guerra. Karaokê também pode ser uma saída para divertir e interagir com os convidados.  
10. Definindo a fotografia:
Se há na família ou entre os amigos alguém que faz o trabalho de fotógrafo, aproveite! Hoje a fotografia faz parte do hobbie de muita gente e essas pessoas querem motivos para fotografar. Caso contrário invista num profissional e relaxe. Certamente você terá ótimas recordações.

 
Um dos pontos mais importantes de uma festa em casa é a organização antecipada. Deixe tudo pronto e conte com a ajuda de algumas pessoas. Se puder contratar recreadores, animadores, garçom e uma auxiliar tudo fica muito mais fácil e você aproveita melhor a festa. As festas em casa tem um charme todo especial. Existem famílias tão festeiras que os próprios parentes se ajudam. Isso é bom demais!

Gostou? Tem alguma coisa para acrescentar? Conte pra gente!
Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Adooooro festa em casa!
    Amei as dicas!
    Bom final de semana para vocês.
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Chris! Bem o seu estilo, não é? Beijos

      Excluir
  2. Muito bacana!
    Seu blog foi citado no meu grupo do face e vim correndo conhecer.
    Ameiiii pois adoro festas ehhhh

    bjocas, Cléo
    http://donamaricotafeliz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Que bom que gostou Cléo! Também fui conferir o seu blog e já deixei meus comentários. Beijos e obrigada pela visita.

    ResponderExcluir