quarta-feira, 13 de março de 2013

Etiqueta na hora de presentear crianças.

Você tem dúvidas na hora de presentear uma criança? Não sabe o que comprar e o quanto gastar? O convite é para festa de irmãos e tem dúvidas se presenteia os dois ou apenas o amigo do filho? A festa é de gêmeos?
 
Essas e outras questões podem nos deixar em dúvida mesmo, principalmente quando pensamos demais no que os outros vão pensar sobre as nossas decisões.  Em primeiro lugar, presente é presente. Quem presenteia escolhe como fazer. Não existe uma regra na hora de presentear, mas podemos pensar um pouquinho antes de tomar qualquer decisão de compra.
  
Imagem

 
  • Procurar adequar o presente a idade da criança, seguindo as indicações da faixa etária se for um jogo, brinquedo ou livros.  
  • Se tem dúvidas e não conhece bem a criança, procure saber detalhes com seu filho. O amigo sabe muito sobre a criança e isso ajuda. Caso contrário, aceite a ajuda dos vendedores das lojas com os itens mais populares.
  • Nada de comprar aquilo que não está ao seu alcance. Determine o quanto pode gastar e procure presentes dentro do seu orçamento. Quem tem filhos sabe que em alguns meses temos mais de uma festa e presentes não devem se tornar um peso no orçamento.
  • Dê preferência aos itens de qualidade. Nem sempre a qualidade está relacionada ao preço. Brinquedos que se desmontam com facilidade podem ser substituídos por livros encantadores.
  • Se a festa é para irmãos, e você foi informada disso, é simpático presentear os dois, mesmo que você não conheça um deles.
  • Se a festa é para gêmeos, trigêmeos... você pode dar um presente para cada um ou apenas um para todos. Isso estimula a interação entre os irmãos, é uma atitude consciente e permite um presente bacana com o mesmo valor de você gastaria comprando mais de um.
  • Se for presentear gêmeos, evite presentes iguais, roupas iguais ou livros iguais. O grande barato de irmãos é compartilhar e se diferenciar.
  • Não há necessidade de ligar para os pais para saber o que comprar, a não ser que você queira sondar as preferências da criança ou tamanho da roupa. Mas pedir aos pais que decidam por você é coloca-los numa situação difícil. Isso é mais comum quando temos muita intimidade, como os avós e tios.
  • Os vale-presentes são populares nas lojas de brinquedos, livrarias e lojas de departamento. Se você não tem tempo ou não leva o menor jeito para escolher o presente, não esqueça dessa opção.  
Quem recebe o presente adora saber que ele foi escolhido com carinho. Isso já um presente. Por isso, etiqueta mesmo é dedicação e originalidade.
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

  1. Gisa, conheci seu blog pelo seu relato que você no site "Vizinhos de Útero" e achei muito legal, vou lhe acompanhar :)

    Tri-beijos Desirée
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! Já passei no "Trigêmeas de Manaus" e deixei um comentário. Origada pela visita. Vamos nos falando. Beijos

      Excluir