sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Como guardar as artes escolares ao longo da vida?

Entra ano e sai ano e, ao final de cada semestre, o que mais as crianças trazem para casa são pilhas de atividades desenvolvidas na escola. Mas onde e como guardar tantas recordações?

É impossível guardar tudo, porém dá pena de jogar fora o registro da evolução da vida escolar, principalmente quando os filhos estão na educação infantil e ensino médio. As etapas são ricas de informações sobre a criança.  
Por isso reserve um tempo para organizar toda essa papelada, no início ou no final de cada ano. Aprecie esse material e selecione as atividades que tragam algo especial. O primeiro desenho, a primeira pintura, o registro da primeira escrita, a primeira agenda. Os desenhos que contam um história, uma obra de arte, um projeto especial, uma atividade com resposta engraçada.  


Assim você garante boas recordações, elimina papéis e ganha espaço. Com esse material pode montar um álbum, um quadro, um arquivo. Quando selecionamos parece que os trabalhos escolares ganham mais valor. Se você nunca fez isso e tem hoje um acúmulo de papéis, não precisa fazer tudo de uma só vez. Faça por partes, curta as lembranças e o que for eliminando dê antes para a criança curtir também. Você vai ver como ela se recorda do dia em que realizou a atividade. É surpreendente!
DICA MAE BACANA

Veja algumas ideias para expor as artes do seu filho. Você pode compor com outros objetos junto a decoração ou reservar um espaço somente para elas. 


 
Imagens 
Gostou? Independente do investimento é possível colocar algumas ideias em prática.
Aproveite o artista que você tem em casa.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário